03/06/14

SERÁ QUE SOMOS REALMENTE LIVRES?

LUIS ALVES FRASES

LIBERDADE
Como o leitor deve calcular, um profissional ligado ao desenvolvimento humano está em constante estudo e pesquisa. A mente é algo fascinante e que dificilmente compreenderemos na totalidade por mais evolução tecnológica e científica que exista. O mistério agregado à mente humana é algo que nunca deixará de existir. A parte que se materializa não justifica aquilo que é invisível, o que é pessoal e intransmissível e por esse motivo, observar as pessoas, a sociedade, o comportamento e as atitudes faz parte do processo de evolução de um Coach e Mentor. Todas as matérias do blog surgem de forma espontânea, são fruto de temáticas das minhas sessões, de conversas com amigos ou familiares ou ainda fruto de algo pertinente nas minhas reflexões ou meditações diárias.

TEMÁTICAS
Recentemente, falava com um amigo de Portugal e colocou-se em questão a "liberdade". Será que somos realmente livres? A minha resposta infelizmente é: Não! Acredito que liberdade neste momento é algo imaginário e que ficou perdido no tempo. Vivemos numa época onde nos é vendida a sensação de liberdade mas a essência da mesma é meramente uma ilusão. Com a evolução da sociedade numa era capitalista, o consumismo tornou-se condição fulcral para o crescimento económico. Lamentavelmente, ter mais bens e serviços não nos torna mais felizes ou nos traz maior liberdade. Vivemos dentro de 4 paredes e convivemos com múltiplas distracções que nos impedem de ver essas mesmas paredes.

A PRISÃO
A nova geração, nasce pré-programada para desejar produtos e serviços, status e inclusão social de uma forma assustadora que mesmo os pais e educadores têm dificuldade em gerir esta nova realidade. Pelo poder do marketing hoje em dia existe uma selecção natural das pessoas, quem tem determinado produto ou serviço ganha acesso garantido a uma suposta vida de elite. Da mesma forma, nunca foi tão intensa a necessidade de estar presente nos locais mais badalados e compartilhar a experiência de forma pública em especial nas redes sociais. Cria-se assim a sensação de que estamos a trilhar um caminho onde somos livres de escolher o melhor para a nossa vida. Mas o leitor o que não se apercebe é que por detrás dessa suposta liberdade está o corporativismo, a política, a religião, o clubismo e muitas outras estruturas de poder que ditam as regras do jogo.

A FALSA SENSAÇÃO DE LIBERDADE
Da mesma forma, quando o ser humano passa a ser controlado e tem as suas opções restritas a regras, leis e imposições sociais maiores, perde-se passo a passo a essência do que nos torna humanos. As pessoas estão cada vez mais individualistas, frias, calculistas, esqueceu-se o significado do respeito, da educação e do compromisso. Literalmente vivemos numa "selva urbana" onde no fim de contas é cada um por si. Contrariamente ao que seria esperado, as pessoas não são mais felizes com esta nova realidade onde a informação e a tecnologia imperam. Perdeu-se a pureza da vivência, o contacto com a natureza e o sorriso verdadeiro. A vida nos dias de hoje é tão corrida que deixamos de viver as melhores experiências em prol de um determinado padrão social. Isso é tudo fruto dessa falsa liberdade que corre nos bastidores da nossa vida.

COMO SER LIVRE?
E pergunta-me o leitor: E como posso afinal ser livre? A resposta é tão simples que a maioria das pessoas tem dificuldade em a interpretar. A única coisa que é de facto nossa por direito é a nossa mente. Não confunda com cérebro. A mente é dividida  em 3 campos mentais: o racional, o emocional e o operacional. Essa é a nossa única propriedade totalmente livre. Mesmo o nosso corpo acaba por estar preso caso contrário não haveria uma verdadeira obsessão com o peso e a silhueta por exemplo. Por tudo isto, cultivar a mente, compreender o seu funcionamento e desenvolver as suas capacidades é a única forma de expressão associada à liberdade que temos. Alguns poderão achar este texto algo cruel mas acredite o leitor que é a forma como eu vejo a realidade neste momento. Concordando ou não com esta minha visão, o desenvolvimento humano é a melhor ferramenta para reaver a verdadeira essência da vida, da felicidade, do sucesso e da prosperidade. Se formos conscientes das nossas capacidades e soubermos através da mente manifestar a realidade desejada, as portas da liberdade abrem-se diante dos nossos olhos.

Por tudo isto existe um enorme compromisso da minha parte em escrever livros de desenvolvimento pessoal e profissional. Convido-o a conhecer nos menus "E-Books" e "E-Cursos" do blog.

Lembre-se que "A NOSSA MENTE É O NOSSO MAIOR PATRIMÓNIO. É ELA A ÚNICA FONTE DA NOSSA LIBERDADE VIVENCIAL"

Forte Abraço,
LUIS ALVES 

--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

GOSTOU DESTE ARTIGO? A SUA OPINIÃO É MUITO IMPORTANTE PARA MIM.

DEIXE JÁ O SEU COMENTÁRIO

0 comentários:

Enviar um comentário